7 de agosto de 2020

BEDA#07: 1° Semana do BEDA



Nessa 1° semana, eu fiz um Hall dos textos que já rolaram por aqui no "Lado Milla" em algum momento. 



BEDA: Blog Every Day August. Na minha infância, sempre que eu gostava muito de algum objeto eu arrumava um jeito de ter outros objetos para colecionar. As minhas primeiras coleções foram de: Tazos (aqueles que vinham nos salgadinhos...); figurinhas de chicletes; adesivos decorativos (tinha até um álbum com folhas autocolantes para colocar esses adesivos...

BEDA#02: "Quando eu me tornei gente que escreve ..." A história do seu blog, como ele surgiu? O que te levou a começar? Eu comecei a escrever na Blogosfera no inicio do ano 2000. Em uma plataforma para jornalistas que era gratuita e bastante precária, considerando os blogs famosinhos na época... A linha editorial desde o meu primeiro blog é não-ter-linha-editorial. Os meus textos eram um aglomerado de dramas de adolescentes e Ilustrados com imagem piscantes...

Beda #03: Fotografando Detalhes... No final do mês de Julho/2o14, nasceu um projeto chamado Fotografando Domingos..." que consiste em colocar aqui, registros do meu final de semana (sexta-sábado e domingo). Não tem quantidade exata de fotos, pois, irá depender da quantidade de fotos que eu mesma fotografe nesses dias... O  lugar escolhido dessa semana é o Quintal da casa do meus avós que fica ano sul da Ilha de Florianópolis/Sc  no Ribeirão da ilha...

Beda #04: Tag dos EscritoresA TAG consiste em 5 perguntas simples (a respeito de escritores), sendo assim rapidinha para mostrar um poucos dos gostos literários.

BEDA#O5: Semana 19: Meus seriados preferidos Já fui uma pessoa bastante "desligada" quando se tratava de séries... Quando eu pensei pela primeira vez na possibilidade de assinar Netflix era para ver filmes e tal...

Beda #06:Sobre as minhas Coleções... Hoje em dia, eu tenho alguns objetos (colecionáveis...) que fazem um papel decorativo na minha estante de livros e no meu quarto...



ah, não deixe de me acompanhar nas Redes Sociais.
Estarei tagarelando por lá também:

6 de agosto de 2020

Beda #06:Sobre as minhas Coleções...



Na minha infância, sempre que eu gostava muito de algum objeto eu arrumava um jeito de ter outros objetos para colecionar. As minhas primeiras coleções foram de:  Tazos (aqueles que vinham nos salgadinhos...); figurinhas de chicletes; adesivos decorativos (tinha até um álbum com folhas autocolantes para colocar esses adesivos...); Na minha época mais fanática de Chiquititas e Sandy&Junior  eu colecionava todas as reportagens que saiam nas revistas (antes da internet...) e guardava em folhas de plástico em um fichário da época evolui para vários pôster de outras bandas que eu gostava na época.

Hoje em dia, eu tenho alguns objetos (colecionáveis...) que fazem um papel decorativo na minha estante de livros e no meu quarto.

Bottons Literários (músicos e bandas):

Eu comecei a colecionar Bottons-literários em 2013. Já falei sobre elas aqui no blog, onde falo sobre os eventos da Intrínseca por isso não vou me prolongar muito. Atualmente, eu tenho 26 bottons que ficam guardados nessa lata.



Marcadores de Livros:

Eu compro os meus livros nas livrarias-físicas da minha cidade. Quando finalmente eu escolhia o livro que ia comprar e caminhava até o caixa para finalizar a compra, a atendente colocava um "marcador de pagina" dentro do meu livro novo. Geralmente, era um marcador bem fulerinho fazendo propaganda da própria livraria e outras vezes marcadores- literários. A editora Intrínseca uma vez no ano faz a Turnê Intrínseca, e sempre tem um kit com marcadores de livros e Bottons literários para as pessoas que vão no evento é de onde vem a maioria dos bottons/marcadores da minha coleção.


Ganhei em um sorteio no blog Mil alices que veio esse marcador de páginas fofo com a carinha da alice que faz companhia para versão pocket da editora Zahar


Mc Donalds

Compro o Mc Lanche Feliz por causa do brinde #confesso! As miniaturas decoram a minha estante de livros.


Kinder (Os sobreviventes...)

E u guardava essas miniaturas do Kinder em uma caixinha de papelão do Unibanco e que tem um valor bastante afetivo (de uma época bastante bacana da minha vida...) comprei outros Kinder´s desde então, a coleção foi aumentando/diminuindo e tive que guarda-los dentro desse pequeno báu de madeira.



O que voces acharam das minhas coleções ??? E ai vocês colecionam alguma coisa? Eu vou adorar saber deixe aqui embaixo nos cometários.

5 de agosto de 2020

Semana 19: Meus seriados preferidos



Encontrei o projeto 52 semanas bem bacana na Blogosfera que consiste em citar 5 respostas para cada uma das 52 perguntas abaixo, fazendo assim, um Top 5 por semana. É o projeto mais longo que eu já participei... Mas, parece ser divertido !!! Pretendo responder ao projeto todas as Quartas-Feiras. 

Já fui uma pessoa bastante "desligada" quando se tratava de séries... Quando eu pensei pela primeira vez na possibilidade de assinar Netflix era para ver filmes e tal...

GILMORE GIRLS


Foi a primeira série que assisti na vida! E foi a primeira série que fiz maratona na Netflix . Lembro que foram meses intensos...

  


Gilmore Girls (Gilmore Girls: Tal Mãe, Tal Filha como conhecida em português) é um série de comédia/drama do canal americanoThe WB criada por Amy Sherman-Palladino e estrelada por Lauren Graham e Alexis Bledel, exibida no Brasil pelo canal Warner Channel na TV paga. A série estreou no The WB em 5 de outubro de 2000 e terminou em 15 de Maio de 2007 na sua sétima temporada no canal The CW. A série conta a história do cotidiano da mãe solteira Lorelai Victoria Gilmore (Lauren Graham) e sua filha Lorelai "Rory" Leigh Gilmore (Alexis Bledel) que vivem no pequeno povoado fictício de Stars Hollow, em Connecticut, pequena cidade com personagens bem peculiares e localizada cerca de trinta minutos de Hartford. A série explora diversos assuntos como família, amizades, conflitos geracionais e classes sociais.

OC- UM ESTRANHO NO PARAISO




Logo em seguida eu comecei a assistir a série OC - Um estranho no paraíso um pouco mais devagar... Porém, curtindo a série que relata a história de um grupo de adolescentes e das suas famílias que vivem em Newport Beach, do Condado Orange (Orange County, daí o O.C.), localizado na Califórnia. É uma série que tenta aliar comédia e drama com uma trilha sonora juvenil, sem ter nomes sonantes da música comercial mas sendo, ao mesmo tempo, muito atual. 

GOSSIP GIRLS





O seriado Gossip Girls é baseada na série literária homônima da escritora Cecily von Ziegesar, não representa originalidade bruta, mas representa originalidade derivada. Apoiando-se numa premissa básica de organização social. O autor Josh Schwartz e Stephanie Savage (dos mesmos criadores de OC- um estranho no paraíso), continuam apostando alto para marcar o seu nome história como ícone pop e como referência cultural. 

How I Met Your Mother



É um seriado de comédia com sintuações da vida real. Esse foi um dos motivos do HIMYM ser a minha série de comédia preferida! No decorrer dos episódios aprendemos muito com os conselhos do Ted do futuro, a relação do Marshall e da Lily (como não amar?), As situações Legendárias que o Barney passava com os amigos e até o beijo de Barney e Robin me fez torcer até o final para que o casal enfim se acertasse.


O How I Met Your Mother é cheio de lições sobre a vida e passa a mensagem de que não importa quanto tempo demore -- nove temporadas é muita coisa --, o amor da sua vida vai chegar um dia.

FRIENDS


Eu devia ter uns 15 anos quando ouvi falar de Friends pela primeira vez. A minha amiga Elisa tinha um "site-pessoal" que escrevia sobre o seriado Friends e as suas músicas e imagens favoritas... Nessa mesma época, meus pais fizeram uma assinatura da TV acabo, fiquei feliz com a possibilidade de assistir alguns episódios desse seriado na TV. Conheci outras séries nessa época (Gilmore GirlsFull House...) e cheguei assistir alguns episódios e as maratonas do canal Wharner Channel. Quando eu finalmente assinei a Netflix, eu comecei a assistir as séries antigas dos anos 90 até o ano 2000 driblando com as minhas dificuldades indisciplina & ansiedade em assistir séries. 

Na minha primeira pesquisa no catálogo de séries/filmes da Netflix eu encontrei o seriado Friends. Lembro-me, que na época eu fiquei bastante entusiasmada e um pouco nostálgica de ver alguns episódios desse seriado. Porém, eu não consegui passar nem da metade do episódio piloto. Na minha memória afetiva, eu acabei não lembrando da"risada de fundo"e isso incomodou bastante para continuar assistido essa série. 
Na semana passada, ao verificar pela milésima vez o catalogo de séries e filmes da Netflix. A capa do seriado Friends praticamente "pulou" na tela do Notebook.. Então, eu percebi que não poderia mais ignorar e nem dar desculpas esfarrapadas para não assistir esse seriado. À partir do momento que eu comecei assistir os primeiros episódios, eu sabia que não ia mais dar para parar. Passei o final de semana inteiro no meu quarto entre a cama e o sofá assistindo Friends.


Quando eu assisti os primeiros quinze episódios da 1° temporada de Friends. Eu tive aquela estranha sensação Por Que eu não vi essa série antes? Claro, Gilmore Girls vai continuar sendo a série da minha vida e O.C e Gossip Girl vai ser sempre as primeiras séries que fiz maratona na Netflix... Ano passado, quando eu estava assistindo os episódios da série How I Met Your Mother eu evitei entrar nos grupinhos de discussão comparando-o com Friends por acreditar que não existe comparação com seriados de épocas tão diferentes



ah, não deixe de me acompanhar nas Redes Sociais.
Estarei tagarelando por lá também:

© Lado Milla
Maira Gall