11 de novembro de 2018

Amanhã há de ser Outro dia... ♫


Nunca na História desse pais as pessoas foram TÃO divididas: gays, lésbicas, transexuais. Pobre, classe-média, Rico ONDE EU ME ENCAIXO? Homem ou mulher.

 Há tem o lado certo e o lado errado da História... 
Em política e sociologia, dividir para conquistar (ou dividir para reinar), consiste em ganhar o controle de um lugar através da fragmentação das maiores concentrações de poder, impedindo que se mantenham individualmente. O conceito refere-se a uma estratégia que tenta romper as estruturas de poder existentes e não deixar que grupos menores se juntem. 
O número de pessoas que cansaram desse tipo de governo foram de 58 milhões de pessoas cansadas de serem desrespeitadas com tanta corrupção e roubalheira diante dos nossos olhos... 
...
Há 5 anos, eu olhava incrédula para a reeleição da então presidente Dilma Rousseff, do Partido dos Trabalhadores (PT), foi reeleita com mais de 54 milhões de votos... Sendo que, no ano anterior ocorreu uma grande explosão do descontentamento popular; ela expôs vicissitudes da luta de classes que ocorre no Brasil. Aquele movimento teve algumas marcas principais. 
  1. Primeiro, a enorme dispersão de reivindicações que surgiram na esteira da exigência de transportes urbanos de melhor qualidade e preços acessíveis. 
  2. Outra foi a virulenta posição contra os partidos políticos de esquerda por parte de alguns grupos que participavam dos protestos.
A Sensação que eu tive naquela época, era que O GIGANTE ACORDOU e foi deitar novamente... Depois, teve o impeachment de Dilma Rousseff  que, consistiu em uma questão processual aberta com vistas ao impedimento da continuidade do mandato de Dilma Rousseff como presidente da República As acusações versaram sobre desrespeito à lei orçamentária e à lei de improbidade administrativa por parte da presidente, além de lançarem suspeitas de envolvimento da mesma em atos de corrupção na Petrobras, que eram objeto de investigação pela Polícia Federal, no âmbito da Operação Lava Jato.

Em julho de 2017, Lula foi condenado pelo juiz Sérgio Moro e recebeu a pena de nove anos e seis meses pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no processo do apartamento tríplex do Guarujá. TORNANDO-SE INELEGÍVEL e não podendo disputar a Presidência.
...

Depois de toda a M* jogada no ventilador... O então candidato a presidente, Fernando Haddad um acadêmico, advogado e político brasileiro, filiado ao Partido dos Trabalhadores. Manuela d'Ávila, foi escolhida por Fernando Haddad, do Partido dos Trabalhadores, como sua candidata a vice-presidente. 

O candidato Fernando Haddad, Na sua primeira campanha cagou no maiô com o slogan:
"VAMOS DEVOLVER O PAIS AO LULA!"
Não. O GIGANTE ACORDOU! Atrasado e um tanto sonolento... Foi uma eleição cheio de minorias. As 58 milhões de pessoas estavam cansadas de serem divididos... Como diz aquela música do Marcelo D2 "Sub-julgado/ sub-traído/Sub-bandido de um sub-lugar/ Sub-tenente de um sub-país/ Sub-infeliz...". E cansadas de serem desrespeitadas.

O medo transformou-se em esperança. O meu voto e o voto de milhões de pessoas ja tinham virado ao longo desses dezesseis anos... Eu tenho esperança de um futuro melhor PARA TODOS OS BRASILEIROS!

Vi amigos desfazerem amizades... Filhos cortarem relações com os seus pais... Parece que as pessoas estavam quietinhas... Loucas para arranjarem um motivo para se odiarem... 

Eu fiz inimizades na pós-graduação por causa dessas eleições. Lembro que, eu e mais três colegas estavamos conversando sobre essas eleições...  O medo que nós sentiamos achei que era independente do partido enquanto mulher e tal...  Elas começaram a defender o PT iguinorando completamente TODA A MERDA que fizeram nesses 16 anos.... Eu fiquei quieta, quando fui defender o meu ponto de vista as duas colegas me viram as costas... Tentei conversar com uma colega e ela me ignorou. Embora, eu tenha verbalizado que aquilo tinha me magoado. Essas pessoas não pediram desculpas e ainda uma dessas pessoas me mandou um video pelo direct enoooorme. Achei uma TOTAL falta de respeito.

Agora que as eleições de 2018 acabaram, parem de chamar o coleguinha de facista, maxista, homofóbico... ou milhares de outras fobias diferentes... Principalmente, não tenham partido de estimação! A luta apenas começou companheira.  Vamos continuar trabalhando  e cobrando do Presidente, dos governadores, e dos depultados que foram eleitos democraticamente para representar o Brasil!


Ah, não deixe de me acompanhar nas Redes Sociais. 


Nenhum comentário

Postar um comentário

© Lado Milla
Maira Gall