21 de janeiro de 2019

30 antes dos 30 : Aquele que comecei a escrever um livro...


Esse texto começou a ser escrito sem nenhuma pretensão de ser uma História mas na medida que fui escrevendo fiquei apegada aos personagens Bernardo e Mariana e ao enredo que eu mesma fui escrevendo... Dividi a história em partes que pretendo posta-las todas as terças e quintas feiras.


"... Saudade engole a gente menina ..." 
ouvindo: Tanta Saudade - Chico Buarque


O ENCONTRO

Mariana recém tinha passado no vestibular para cursar psicologia na universidade federal da capital. Bernardo  cursava o 3* período da faculdade de direito na mesma universidade...

Se encontraram por acaso, correndo contra o relógio para não se  atrasarem no primeiro dia de aula e olharam-se de relance. Ele reparou nós óculos de Mariana. Ela reparou nos belos pares de olhos verdes de Bernardo e o sorriso meio de canto, para o "olá" do segurança do campus.

No intervalo da segunda e terceira aula iria acontecer no campus da universidade o trote para os universitários novatos que os alunos veteranos sempre aprontavam com os novatos. Bernardo lembra muito bem do seu trote há dois anos atrás: Foram 38 ovos quebrados na sua cabeça e um liquido gosmento com cheiro bastante duvidoso que ficou empreguinado no seu corpo durante dias...

A turma do 3° semestre do curso de Direito já tinham feito uma "vakinha" entre os alunos para comprarem ovos e fizeram uma festinha para preparar o tal "liquido gosmento com cheiro bastante duvidoso" do trote e  para os alunos novatos. O grupo no watszapp da turma, choviam contagens regressivas desde o penúltimo mês do ano passado, agora só faltavam apenas 30 segundos para o trote começar...

Mariana estava encantada com a sua primeira aula  do dia que era NEURO-ANATOMO-FISIOLOGIA APLICADA À PSICOLOGIA. a professora que estava ministrando essa matéria mau teve tempo para dispensar os alunos para o intervalo, quando um grupo de três alunos que eram representantes de  diferentes  cursos de graduação da universidade. Entraram na sala pedindo licença, entre esses alunos, estava Bernardo que era representante do curso de Direito que pediu para fazer um convite para os alunos:

Mariana já estava com os seus fones de ouvido azul ouvindo Beirut no ultimo volume tentando em vão fugir do trote que os novatos "sofriam" na primeira semana como universitário quando  sentiu uma mão de raspão no seu ombro e logo pegou a sua mão...  Parece que o tempo parou, naqueles milésimos de segundo que Bernardo e Mariana se olharam... Quando ele percebeu que tinham platéia virou para a turma ainda de mãos dadas com Mariana começou a falar meio gaguejando:

_ Bo... Bom dia BI...BIXARADA!!! cof,cof,cof  E moça bonita que esta no meu lado.... A turma de veteranos da Universidade está convidando os novatos e novatas da turma de Psico... Psicologia para "confraternizar" com os alunos no campus da Universidade.

Mariana afastou a sua mão da mão do Bernardo e se aproximou da primeira mesa que encontrou para guardar o seu fone de ouvido na sua bolsa. Na mesa, em que Mariana se aproximou tinha uma garota ruiva com sardinhas (elas iriam ser melhores amigas nos próximos semestres...) mas, naquele momento eram apenas colegas de classe, A menina ruiva falou algo indecifrável e sorriu  para Mariana que envergonhada demais para perguntar alguma coisa, apenas lhe sorriu de  volta.

Quando Mariana virou-se esbarrou em Bernardo novamente. Ele que estava em um distancia de um braço de Mariana desculpou-se:

_  Opa, desculpa... O meu nome  é Bernardo, sou aluno veterano do curso de Direito. Quero me desculpar por ter segurado a sua mão... Eu iria dar um recado para a turma e vi você passando por mim e tive que chamar a sua atenção de alguma maneira.

Mariana ficou envergonhada, quando ela fica assim sente o seu rosto quente e fica vermelha parecendo um pimentão:

_  Beleza, você conseguiu chamar a minha atenção... Meu nome é (...)

A primeira conversa de Bernardo e Mariana foi abruptamente interrompida por um grupo de meninas enlouquecidas que chamaram Mariana e a garota ruiva e  outra menina tão tagarela quanto as outras meninas, uma de cada lado entrelaçaram os seus braços no braço de Mariana quase empurrando-a para irem juntas na confrartenização.

Bernardo gritando perguntou:
_PERAÊ, QUAL É SEU NOME???

Mariana já estava próxima a porta. Porém o falatórios dos alunos saindo da sala e dos outros alunos no corredor do campus não deixou ela ouvir o que Bernardo estava gritando.

Quando Bernardo chegou no campus os alunos já estavam divididos: no lado direito estavam os alunos novatos sem as bolsas e mochilas foram aconselhados que deixassem as bolsas e mochilas e algum material de valor na sala de aula por medo de sujar ou danificar o seu material de aula e no lado esquerdo estavam os alunos veteranos os seus rostos tinham um semblantes de pessoas sádicas e na mão de cada um desses alunos tinha uma embalagem que continham uma dúzia de ovos e outros alunos com uma garrafa pet com  um conteúdo"liquido gosmento com cheiro bastante duvidoso" preparado na festinha da turma na noite anterior.

Quando Bernardo chegou no campus estava no "olho do furacão" no meio da linha imaginária que dividia BIXOS &; VETERANOS algum engraçadinho do lado dos veteranos jogou um ovo que acertou em cheio o rosto de Bernardo e logo em seguida parecia a cena de filme, os alunos pareciam os gladiadores gritando:

_ SPARTACUS!!!

(...)

7 comentários

  1. Não, não, não! Cadê o resto? Eu quero!!! Sério, eu amo essas histórias meio clichês (tá, têm umas que eu não gosto), e fiquei muito curiosa para saber como a sua termina. Por favor, posta mais :D

    ResponderExcluir
  2. Adoro esses tipos de história, quero mais.

    ResponderExcluir
  3. Adorei esse começo da história! Adoro uma boa história romântica! E to sentindo que essa vai ser boa :D

    ResponderExcluir
  4. Olá,

    Adorei a ideia de trazer essa história em partes e com certeza irei acompanhar. Eu gosto de um bom clichê, então começar com esse encontro no meio da faculdade já desperta minha atenção. Também sou fascinada por obras com este ambiente de faculdade, e creio que irei gostar bastante. Adorei esse primeiro capítulo, esperando os próximos!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Adorei, mal posso esperar para ler o resto! Espero que não demore para postar.

    https://motivalublog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  6. Olá. Amei esse início e estou querendo ler mais hahaha eu amo escrever e pretendo escrever um livro um dia. Lhe desejo boa sorte com a história

    ResponderExcluir
  7. Ah que legal essa ideia de compartilhar por partes teu livro. Bem, eu curto um romance, gostei da vibe mais teen, e pelo ambiente e a ideia de adaptar o curso que você fez. Bem legal :)

    ResponderExcluir

© Lado Milla
Maira Gall