1/4 de memórias
Mostrando postagens com marcador 1/4 de memórias. Mostrar todas as postagens

23 de agosto de 2015

BEDA #23 - Beto Carrero World


Beto Carrero World é o maior parque temático da América Latina, localizado no município de Penha, Estado de Santa Catarina, no Brasil. Foi inaugurado pelo já falecido Beto Carrero, no dia 28 de dezembro de 1991. Atualmente considerado o 6° melhor parque de diversão do mundo, o empreendimento possui uma área total de 14 mil km², sendo dividido em três grandes segmentos:
  • Zoo
  • Parque
  • Shows


Madagascar
crazy River

Faltou coragem para brincar (molhar) fiquei só fotografando mesmo.









25 de março de 2015

Template: tá faltando peça no quebra-cabeça...♪


No inicio do mês de março, eu ando ouvindo exageradamente o ultimo álbum do HG intitulado de "Insular". Escrevi esse post, na primeira semana sobre uma das músicas que o trecho "Recarregar, reiniciar, reinventar e reabastecer... " acabou virando um dos meus mantras para esse ano. 

Na semana passada, inspirada em alguns blogs que estão entre os "meus favoritos" todos esses blogs tem uma imagem que identifica. Por exemplo: O blog da MF tem um lindo dente de leão, a Bárbara é aqueles hexágonos de colmeias de abelhas e a tem uma ilustração dela com um gatinho... Foi pensando nisso, que procurei uma imagem que desse "identidade" ao meu blog e que fizesse os leitores identificarem/relacionassem a figura ao meu blog. 

Uma imagem que tenho me identificado muito essa semana é de uma peça do quebra cabeça e o HG (de novo ele!) tem uma música intitulada de quebra cabeça que um trecho diz assim:



Há primeira vez que eu usei o termo "Quebra cabeça" aqui no blog, foi em um post como esse para inaugurar o layout novo, já que a tradição pede assim. Naquele post, eu dizia que, mesmo com a minha analfabetização com programação e afins... eu gosto da sensação de estar "montando um quebra cabeça" e de deixar o template do jeitinho que eu quero. 

O logotipo tem peças de quebra cabeça com as cores; cinza (escuro e claro), vermelho e laranja"sombreando" as fotografias das coisas que eu mais gosto e me sinto a vontade de escrever aqui sobre : Músicas, livros, fotografias e escrever sobre o cotidiano e a minha vida.



O plano de fundo eu prefiro os mais "clean" queria um plano de fundo com somente uma cor. Mas, encontrei esse com peças de quebra cabeça e "colori" com as cores cinza, vermelho e laranja e acabei gostando do resultado mesmo tendo ficado colorido não deixou de ser "clean" e assim, não fugindo da idéia inicial.

Acho que é isso... 

A vida ta corrida! Minha mãe fez cirurgia na semana passada e ta no processo pós cirúrgico... Minha casa, estava em obras desde a semana retrasada. É, a vida está corrida e bagunçada. Porém, escrevo mais sobre isso nas próximas postagens desse genuíno Blog.

9 de janeiro de 2015

Mallu&Teddy- "Convivendo com os piores cães do mundo"


As melhores “lições de vida” que eu pude ter na infância, adolescência e juventude… Eu só pude aprender tendo vários cães que passaram nessa minha trajetória de vinte e poucos anos. Assim que minha família trocou o apartamento pela casa que moro até hoje ganhamos a primeira cachorrinha da raça, pequinês, com o nome de chinoca. Era uma cachorrinha de porte médio, bem velhinha já e muito braba não me lembro de ter brincado muito com ela.

Quando construímos a casa nova moramos por um tempo na casa da vizinha… E lá conheci a raça que é minha paixão; Pinscher, falem o que quiserem, mas eu adoro essas minis-torturas em forma de cães… Ganhei a minha primeira cachorrinha, mas tive que largar a mania de chupar dedo (mais tarde fiquei com nojo do meu dedinho, pois a cachorrinha lambeu…) a cachorrinha era pincher O era uma cachorrinha pretinha e se chamava Dara (sim, a cigana…).

A Dara era uma cachorrinha atentada e não curtia muito criança, inclusive a dona, que mordeu-brincou e mordeu mais outras tantas vezes… A cachorrinha dormia no banheiro com casinha e cobertor quentinho mesmo assim pegou pneumonia e pinscher é forte com doenças, mas quando fica doente dificilmente escapa. Para não ficarmos tanto tempo sem cachorro em casa, ganhamos outra pinscher com o nome de Dara II ela era mais calminha que a primeira cachorrinha, mas com as mesmas características… A Dara II ficava na casinha de madeira na cozinha, tenho muitas lembranças daquela “pestinha” correndo atrás de mim… 

Tive outros cachorros da raça pinscher: O pingo (primeiro cachorro macho era o verdadeiro homem da casa…). O Pedro cachorrinho adotado ele veio com uma doença na cabeça ( fiquei traumatizada com esse episódio...). A Thalita foi morar na casa da minha vó e já esta bem velhinha com 15 anos é xodó da família

Em 2006 ganhei um “amigão” dando um pause na saga de pinscher, s. um amigo do meu pai queria se desfazer do cãozinho, sabendo que tínhamos perdido um recentemente perguntou se não queríamos um Lhasa apso, sem nem saber que raça era resolvemos aceitar… Encontramos um monstro peludo kkk mais muito simpático e amoroso, o probleminha do Teddy (é o nome dele…) é que ele é muito “genioso” e brabo se não for da maneira que ele quer ele morde (vivo com a mão em lasca…).

Hoje em dia o pessoal aqui de casa apelidou o Teddy de cachorro de velho, ele não aceita brincadeiras o que ele mais gosta é de ficar exparramado no colo, ganhando carinho na cabeça… Nota-se que o cachorro tem uma vidinha bem difícil, né.
Em 2008/2009 A thalita ficava de chamego com o cachorro do vizinho e ficou prenha… Ganhou dois cachorrinhos ficamos com a menina chamada de Mallu Malenotti como o próprio nome diz Mallu de maluca mesmo e é a cachorra mais cara de pau da historia leva bronca e vem toda manhosaaa para quem deu esporro, ODEIA motos e é mal educada com desconhecidos do modo de eu ficar com vergonha, pois ela quer morder todo mundo… A Mallu veio para acabar com o sossego do Teddy huahuahauaha os dois se entendem muito bem! Ela manda e ele obedece… 
Como eu falei no inicio desse texto tive verdadeiras lições de vida com esses seres “terríveis” e as lembranças da infância só foram melhores, pois esses seres estavam junto de mim mordendo, brincando correndo atrás de mim… E hoje em dia o Teddy e a Mallu mesmo sendo bichanos diferentes continuam essenciais para não deixar a vida de adulto TÃO chata.

23 de dezembro de 2014

Na estrada...


"...Tudo que aprendi, tudo que conheci/ Valeu a pena descobrir 
Quero lhe falar, é bom viajar 
Tocar pelo mundo afora..."

Depois de uma semana na estrada...Voltei!!! 

A mala de roupas também voltou, com algumas peças de roupas; novas, sujas e roupas limpas que nem toquei ao longo desses dias de viagem.Coloquei na minha bolsa alguns livros que estavam na prateleira dos "não lidos" da minha estante. Aproveitei a estrada, para colocar as minhas leituras em dia... Algumas horas antes de viajar, recebi um pacote pelo correio com um marcador e um livro MARAVILINDO da minha amiga conterrânea M° Fernanda e que renderam algumas lágrimas na amiga aqui no decorrer da viagem... (Fotografias, resenhas e + fotografias nos próximas postagens...).

A trilha sonora da viagem ficou por conta das bandas; Legião Urbana, 5áseco, Banda do Mar e o ultimo álbum internacional da querida Taylor Swift com o titulo de "1989". Eu adquiri alguns CDs ao decorrer do caminho; Paula Fernandes "encontros pelo caminho" e Acústicos e Valvulados "O fino do rock mendigo" e "Diamantes V erdadeiros" que foram a trilha sonora da volta para Floripa/SC.

Falando em Acústicos & Valvulados... Teve showzinho no "finzinho " da cidade de Joaçaba/SC. Os meninos estão com dois álbuns novos "O fino do rock mendigo" e a regravação das musicas antigas do álbum "Diamantes Verdadeiros" e esse show foi um dos primeiros de divulgação das musicas novas do álbum. O set list foram baseados nesses dois CDs deixando algumas clássicas da banda de fora #infelizmente. Desse novo álbum eu só conhecia "Efeito" e "Meio doido e vagabundo" fiquei meio que boiando nas canções novas. Logo coloco aqui, uma resenha com a minha opinião sobre os CD´s.

No decorrer da viagem foram de poucas horas de sono, visitas a parentes que nem lembramos que fazem parte da familia, voltinhas na cidade e pensamentos filosóficos de se morar em cidade pequena... E o mais importante, Passei momentos com pessoas especiais que fizeram essa viagem valer a pena!

23 de novembro de 2014

1/4 Cheio de Fragmentos Aleatórios (Parte 02)


Nesse post aqui eu escrevi sobre a tão sonhada reforma do meu "cantinho" e escrevi sobre os meus quartos antigos e coloquei algumas fotografias do quarto antes da reforma.
... E você nunca vai saber de nada do que eu senti

   Sozinho no meu quarto de dormir...”.



Depois da reforma o meu quarto ficou assim. 
(Visão que eu tenho deitada na minha cama).


Minha estante de livros...


Meu coelhinho Leitor!

Livros recem comprados na fila para ler... 
(Só aumenta!)

... CD´s e 
cacarecos do MC. Lanche Feliz


M° Eugenia a minha câmera analógica
e os dois livros da edição do Zarrar

Meus quadrinhos chuchus do Rafa e do Mr.Pi 
Um dos meus nichos e mais alguns livros...

CDs emprestados do Chico Buarque

Livro de cabeceira 
e o meu celular carregando (NOVAX!)




1/4 cheio de livros, CD´s cacarecos e memórias... 
protege os meus sonhos e os meus sonos e o mais importante,
 me dá proteção e forças para seguir em frente... 
para mais um dia novinho em folha!

17 de julho de 2014

Nostalgia & Seriados...


Where You Lead
I will follow
Anywhere that you tell me to
If you need, you need me to be with you
I will follow
Where you lead...

Quando eu comecei a “brincar de blogar” fiz o meu primeiro blog gratuito hospedado na Uol no famoso “zip.net”. O seriado Gilmore Girls estava no auge, estrelada por Lauren Graham e Alexis Bledel, exibida no Brasil pelo canal Warner Channel na TV paga. A série estreou no The WB em 5 de outubro de 2000 e terminou em 15 de Maio de 2007 na sua sétima temporada.


O seriado Gilmore Girls passa em uma cidade chamada, a Star Halow, Connecticut. Uma pequena cidade característica por suas áreas verdes e floridas, suas casas com cercas brancas e muitos personagens particulares. É neste ambiente que se desenvolve a apaixonante, divertida e muito sensível história da vida de Lorelai e Rory Gilmore. Como boa mãe independente, Lorelai organizou sua vida de maneira de que Rory fosse seu norte, transformando-se em sua melhor amiga e confidente. Uma sorte que a mesma Lorelai não teve durante sua infância, pois sua mãe, Emily Gilmore, como bom exemplo de uma dama da alta sociedade não compartilhava da maioria dos interesses da jovem Lorelai. Mas família é família e os Gilmore sabem que, apesar das diferenças, estão sempre juntos para superar as dificuldades, amadurecendo e seguindo em frente.

Lembro-me de ter visto alguns episódios do seriado na Warner Channel, mas sou indisciplinada e ansiosa demais para assistir todos os episódios na Warner e na maioria das vezes eles pulavam episódios sendo impossível acompanhar a série. Essa série, chamou atenção pela relação de mãe e filha que Lorelai e Rory Gilmore mantinham, também tenho uma relação de amizade e cumplicidade com minha mãe desde a infância. Acabei herdando o vicio de cafeína da Lorelai e de sempre estar lendo como a Rory...  No meu blog “zip.net” eu até peguei um template marrom com a imagem da série parecido com esse cof-cof nesses sites que disponibilizavam template grátis mas, já estava com vontade mudar a um tempo para o Blogger e pedi para uma colega virtual na época fazer um template bacanudo com uma figura do mesmo seriado porém, o template não ficou legal... E acabei mudando para o blogger com outro nome e outro template...


Esse final de semana, eu fiquei lembrando essa série e até comecei a ver alguns episódios on line (estou pensando em comprar o Box dessa série e fazer uma sessão de Gilmore Girls com pipoca). E quando fui fazer esse post falando do seriado, Lembrei como era o meu antigo template... E como um quebra cabeça, fui montando do jeitinho que eu queria...

Abertura da Série




Gilmore Girls soundtrack: https://www.youtube.com/watch?v=R1whpx9f9XA&index=2&list=RDsKXIoKYDdo4





Ps1:  pensei em colocar só uma figurinha estilo PNG mas, como você  podem notar acabei me animando...

Ps2  Semana que vem já acaba o recesso da faculdade voltarei ao Lay anterior mais clean e organizado.

27 de junho de 2014

182/365- A vida contada em semestres...


Desde o dia que decidi ter uma vida de universitária, minha vida se resume há dividir os anos em dois semestres. Estamos no mês de junho e tenho somente duas notas faltando (prova substantiva e exame final) para acabar o primeiro semestre do ano de 2014. Ainda é cedo para fazer retrospectiva do ano de 2014, mas por ter passado a metade do caminho... Posso dizer que esse ano está me surpreendendo positivamente claro. E acho que eu estou surpreendendo esse ano também positivamente e negativamente. Mas dai, é assunto para outros posts...

No inicio do ano (praticamente no carnaval), eu comecei a trabalhar como secretaria, em uma escola de administração  no período vespertino. No período matutino fiz no total de quatro matérias sendo que uma matéria é, o estagio básico II em uma escola pública da minha cidade no sul da ilha, que ficava praticamente ao contrário de onde fica a minha faculdade e meu serviço...

O inicio do semestre seria TENSO! Em letras garrafais mermo! Porém, só me avisaram isso praticamente, um mês depois que o ano de 2014 já tinha começado... Não ouve o momento de sofrer por antecedência e nem aquele nervosismo normal, pois, “quando eu vi, eu já estava indo...” sim, eu não posso deixar de usar essa velha expressão... Se não bastasse, a faculdade e o serviço tomarem praticamente metade dos meus dias (12 horas). Tinha o estágio de Psicologia, na escola do sul da ilha uma vez por semana (sexta-feira).

Não estou escrevendo para arrumar justificativas. Para dizer a verdade, nem sei bem o motivo de estar escrevendo... Acredito fazer parte da evolução das garotas de vinte poucos anos que escrevem textos de mais de quinhentas palavras falando sobre a Life... Quanto na adolescência (quando a blogosfera começou...) mal escrevíamos uma frase para resumir o nosso dia-a-dia.

Confesso que, eu gostei dessa vida corrida... Com trocado no bolso (principalmente)... Mesmo o tempo sendo escasso (antes mesmo de começar os jogos da copa). Eu gostei do carinho e abraços desconhecidos de crianças que estão agarrando com “unhas e dentes” para ter uma infância inocente, longe das maldades da vida adulta. Eu gostei das pessoas novas que eu conheci na metade do ano passado e que continuaram fazendo algumas matérias comigo esse semestre... No emprego conheci todo o tipo de profissional, porém, fui acolhida pelos mais queridos.


Como escrevi lá no inicio, ainda estamos na metade do caminho. 
Continuação no próximo semestre...

15 de junho de 2014

#imagine na... JÁ É COPA!


 
Já fazem 3 dias que a bola esta rolando e virou assunto mundial #imagine na... JÁ É COPA!
 
 
 
 
Em 1994 quando o Brasil conquistou o Tetra eu tinha 08 anos. recém fazia um ano que eu estava morando no lugar que moro até os dias de hoje... Em 1994 combinamos de assistir o jogo na casa da vizinha e o bairro antigamente tinha muitas crianças, então lembro de ser muito divertido assistir os jogos e sair correndo e comemorando os gos e comemorando mais ainda  quando o Brasil ganhou o Tetra.  
 
As lembranças da copa de 1998 fogem da minha mente... Mas, acredito  ter comemorado ou na casa da mesma vizinha ou na associação de moradores com a mesma criançada e diversão  de quatro anos atrás.
 
Ainda acho que  cabelo ridículo do Ronaldinho foi mais comentado que o próprio Penta  (depois confundiu uma mulher com um traveco, engordou... ) mais os jogos passavam de madrugada por isso não tenho lembranças dessa copa minha família e a família dos meus vizinhos comemoramos em uma casa de um casal de amigos em comum longe do nosso bairro
 
Em 2006 eu estava trabalhando em uma empresa de telemarketing que trabalhava com os cartões de credito do Unibanco. Para entrarmos no clima de copa do mundo ganhamos uma camiseta verde com o slogan da seleção brasileira mais um bonequinho do Unibanco... Perdemos, e no dia seguinte foi um dia de estudos/trabalhos como um outro dia qualquer.
 
 
 
 
O melhor da copa de 2010 foi no show de  abertura! Os shows da banda  Black Eyed Peas,  e a colombiana  Shakira com a musica Waka Waka feita especialmente para a copa da África do Sul e foi a música mais tocada nas rádios daquele ano. Não tenho nenhuma vaga lembrança dos jogos...
 
Em 12 de junho  de 2012 abertura da copa do brasil e primeiro jogo do Brasil contra Croácia.
Eu tive aula no período matutino apresentação  de trabalho e coisa e tal... no período vespertino aproveite a folga do serviço almocei em casa,  arrumei algumas coisas e fui dormir e permaneci dormindo durante  TODO o jogo. No dia seguinte fui ver algumas noticias sobre a abertura da copa e os vídeos no youtube  da abertura da copa... É, não perdi nada.
 
No próximo jogo acredito que estarei mais animada, vai ter churrasco na casa da minha chefe e até comprei uma camiseta do Brasil estilo retrô para entrar no clima...
 
 
OBS: Mais posts sobre a minha animação, os jogos ou qualquer coisa referente a copa. Na sequência.

2 de junho de 2014

1/4 cheio de mudanças...



... E você nunca vai saber de nada do que eu senti
Sozinho no meu quarto de dormir...”.


Acabei de receber essa imagem por Whatsapp:

Oque vocês estão fazendo no meu quarto?
Acabei de perceber que ontem à noite, foi a ultima vez que entrei e descansei no meu (velho) quarto... Aquele com o colchão solto no lado da janela, uma TV grudada na parede, do lado direito um guarda-roupa recém-comprado e uma estante de livros um dia tão sonhada...

curtindo o meu velho quarto...


Morei em apartamento até os 06 anos de idade. Não lembro direito do meu quarto lembro-me do meu primeiro jogo de quarto, pois quando me mudei para a casa de madeira e os móveis vieram juntos: A cama era de solteiro acoplado com um baú onde eu guardava as minhas bonecas e tralhas e um guarda roupa com uma penteadeira com um espelho em um formato de quadrado.

Meu quarto na casa de madeira tinha os móveis que falei a cima, incluindo mais tarde uma mesinha em formato circular com quatro cadeiras que ganhei da minha vó. Lembro-me das minhas brincadeiras com os meus ursos e bonecas sentados nas cadeiras em volta da mesa fazendo o papel dos amigos imaginários...

Fiquei um ano e meio sem quarto... Quando me mudei para a casa dos fundos da casa da vizinha... Meu “canto” se traduzia em um sofá... De vez em quando a cama dos meus pais. Mais era raro, bem raro.

minha escrivaninha ou parte dela...
Quando mudamos para a casa nova, ganhei um quarto Só para mim! (maravilhas de ser filha única) e enfim, com um jogo de quarto novo contendo:  uma cama de solteiro, um guarda roupa, uma cômoda e uma escrivaninha (foi quando o computador veio...) a escrivaninha foi a minha companheira das madrugadas. aliás, foi onde escrevi a maioria dos meus posts nos blogs anteriores... E de onde surgiu a ideia de fazer um novo cantinho que aqui está!

Foi quando eu notei que... O terceiro quarto da casa “o quarto do meio” era maior que o meu quarto original, quando percebi isso me mudei imediatamente transformando o quarto do meio no meu quarto! Do jogo de quarto do quarto anterior... Só restou mesmo à velha escrivaninha que ganhei quando tinha 13 anos (que aguentou o tranco legal, até esse ano...). A cama era de casal, acoplado com o guarda roupa parecendo uma “gruta” da cor parecida com madeira bem clara.


O ultimo quarto (que eu dormi até ontem...) ganhou novos móveis uma mesa, uns três ou nove (dois) nixos... Colocarei fotos do “novo” quarto nos próximos posts e não vejo a hora de curtir "o meu cantinho(News!)".

© Lado Milla
Maira Gall