31 de dezembro de 2014

Bye, bye 2014!

Parece que foi ontem... mas faz 1 ano! que no dia 30 de dezembro de 2013 eu olhava para você ressabiada e cheia de dúvidas... Querendo saber mais, sobre oque me aguardava; o 8°semestre da faculdade de Psicologia, a "continuação" do Estágio de psicologia escolar (Básico II) e um possível emprego.
Passei a virada do ano, curtindo um show do Daniel na Beira-Mar e fui " batizada" com um banho de champanhe inesperado e mesmo encharcada continuei contente achando toda aquela vibração maravilhosa! O único pedido para esse ano de 2014 era “Vamos combinar uma coisa; surpreenda-me que eu te surpreendo.”.

Comecei a levar a escrita mais a sério, fiz um novo cantinho na Blogosfera e dei o nome do blog de "Um lado meio Milla..." e "profetizei" que naquela semana, eu começaria um novo ciclo na minha vida... e gostaria de escrever em um blog menos bagunçado que o anterior...

No primeiro semestre, comecei trabalhar no tal emprego... Iria trabalhar em uma empresa de cursos de capacitação para servidores públicos de SC (Administração). Tudo a ver com a minha área #sqñ aceitei mais por causa do salário gordinho e nem tava ligando que eu trabalharia como terceirizada... Por causa disso, tive que mudar o meu horário de estágio que se transformou literalmente em um "estágio novo" os alunos de 3° e 4° série foram crianças boazinhas e tivemos dias de dinâmicas bastante proveitosos e divertidos.

As matérias da 8° fase de Psicologia (Intervenção Psicossocial Em Instituições Educacionais, Fundamentos de Psicoterapia, Orientação e Aconselhamento Psicológico) deixaram a minha semana "atarefada" e foram dias corridos no estilo "se vira nos 30!" e que por causa dos jogos da copa tiveram dias em que duraram menos de 24 horas. 

Teve copa, Teve muita copa, Teve copa pra caralho... Estava em outra Vibe, nunca fiquei tão certinha com as minhas atividades... Fiquei sem assunto na maioria dos assuntos do pais. No segundo semestre, teve eleições. O mais louco na história dessas eleições é a participação ativa das pessoas nas redes sociais sem o menor senso de "Pô, estou exagerando..." algumas amizades morreram sem direito a reconciliação sincera.

Teve provas, trabalhos... Nesse meio tempo, teve uma professora "querida" em particular que entupiu o semestre de trabalho com "Prazos de entrega" dos mesmos fora da realidade... Tendo que conciliar com o Relatório de Estágio mais crazy da história dos relatórios de estágio... Com as horas vagas dos jogos da Copa.

Em 2014 teve aflição em receber as notas do 8°semestre... Chorei de alegria com a nota de estágio, chorei mais ainda quando conversei na internet com uma grande amiga e companheira de estágio sobre como merecíamos estar nos sentido TÃO feliz e realizada.

Teve gargalhadas nesse semestre, quando conversamos na faculdade sobre o estágio e eu falava em um tom meio- sério _ Cara, vamos Morrer!_ e no meio de um assunto aleatório essa amiga respondeu com um sonoro "Viu, não morremos ". Talvez, ela tenha levado esse lance de morrer sério de mais mas sinto que pedaços de mim "morreram" esse ano cansados do excesso de "..." esse ano teve bastante e dolorosos pontos finais.

Teve noites maravilhosas mesmo sendo tarde... Teve um "remenber" dessa noite/dia. Perdi um amigo, um possível romance (na minha cabeça!) e um peguete sem compromisso... E todas essas pessoas foi com a mesma pessoa e depois de tantas reticências (...) coloquei um ponto final (.) mais dolorido. Porém, necessário. Em 2014, eu aprendi que; Para tudo que tem um começo tem também um FIM  Aprendi a lidar com o fim esse ano mas não queria "retardar"os pontos finais das minhas relações com amigos e conhecidos.

Em 2014, teve nostalgia. Com direito a uma carta a 10 anos atrás lá em 2004 que intitulei como o melhor ano da minha vida. Até agora! Teve nostalgia também, nas telinhas com a novela Chiquititas com músicas que me remetem aos meus dez anos de idade assistindo a novelinha na sua primeira versão em 1997.

Esse ano passou rápido. O Gregório Duvivier resumiu muito bem essa ano em sua coluna "Esse ano passou rápido que nem um aneurisma, um AVC, um infarto no miocárdio, o ebola." 

O segundo semestre do ano começou bagunçado... Na faculdade as matérias que eu me escrevi da 9° fase (ênfase A) não eram da mesma ênfase que eu estava escrita (ênfase B). E isso atrapalharia estágio específico I que eu escolhi. No mês de setembro a vida deu um giro de 360° fiquei desempregada... Comecei esse semestre cheia de reticências ( ??? ) mas na segunda semana, as matérias da ênfase certa foram arrumadas e o Estagio Especifico I enfim, foi decidido que faria um estagio totalmente diferente, O trabalho foi com os imigrantes/refugiados Haitianos que estão morando na cidade de Florianópolis/SC.
Teve matérias da 9 fase na ênfase B (Sim!) Teve estágio especifico I (Sim!) teve GETEP com imigrantes e refugiados (Sim!)

Nesse segundo semestre; teve provas, trabalhos e relatório de estágio com prazos mais longos mas o meu ritmo estava o mesmo do inicio do semestre... E se eu pudesse eu entregaria tudo antes do prazo estabelecido... A prova N2 do Zé fugiu dessa regra porém foi a minha salvação com doses homeopáticas de desespero HAHAHA

Em 2014 teve aflição em receber as notas do 9°semestre... Chorei de alegria com a nota de estágio... Teve sentimento de dever cumprido, sentimento de ter trabalhado muito e a sensação boa de ter colhido bons frutos 


Teve FÉ, voltei para a Paróquia Santíssima Trindade onde passei bons tempos da minha adolescia quando eu participava de um grupo de jovens com estudantes universitários da UFSC... Agora eu estava lá como "estudante de Psicologia" conversando comm os imigrantes. Conheci pessoas maravilhosas, uma dessas pessoas é o frei que trabalha lá na paróquia e que sempre tinha uma palavra bacana e conselhos preciosos,

Teve show dos Acústicos e Valvulados e eu debutei no rock mendigo e eu fiz as malas  para revê-los mais uma vez na estrada



E 2014 Organizei e mantive a minha estante de livros e CD,s . Esse ano, teve muitos livros e CDs novos... Os últimos terão uma resenha musical especial a partir da primeira semana do ano de 2015... (Alguém arrisca um palpite de quais CDs serão?)


O meu pedido de 2015 continua sendo “Vamos combinar uma coisa; surpreenda-me que eu te surpreendo.”. Que 2015 traga; mais reticências, frio na barriga e ansiedades pelos os amanhãs desses próximos 365 dias desse novo ano ...

"Torço para que o ano de 2015 passe rápido não rápido e rasteiro-, mas rápido feito uma andorinha, um cometa, um barato de lança-perfume".



28 de dezembro de 2014

Retrospectiva 2014: " Um lado meio Milla...".

Esse ano de 2014, eu comecei a escrever "um novo ciclo..." foi um ano de tentativas no modo de escrever, fotografar e alguns projetos que renderam bons frutos... e que pretendo seguir adiante em 2015. Nesse mês de Dezembro, estamos em clima de "Retrospectiva de 2014" pensei em fazer um TOP FIVE dos textos e projetos que foram postados aqui no blog " Um lado meio Milla...". 
  • CARTA #01 - É, MORENO...  Achei a ideia desse blog aqui, muito bacana e tinha absoluta certeza, que eu não chegaria nem aos pés da Ana Luiza, nem da Maria Fernanda e muito menos da autora original do projeto. Um dia antes, eu comecei a escrever um "rascunho" porém a carta só ficou nesse formato depois do ultimo acontecimento. Antes disso, eu ficava me auto-censurando em escrever um texto muito mimimi, o resultado, foi o texto menos mimimi que já escrevi...
"... Depois de ter passado o temporal, a raiva e a choradeira... Consegui compreender tudo que tinha acontecido... As coisas aconteceram rápido demais, e o pior, sem a pretensão de ser algo de verdade. Sim, não digo que os meus sentimentos eram de mentiram, mas, não precisávamos sentir de uma maneira tão exagerada...".

“♫... E você nunca vai saber de nada do que eu senti 
Sozinho no meu quarto de dormir...♪”. 

Nesse post aqui eu escrevi sobre a tão sonhada reforma do meu "cantinho" e escrevi sobre os meus quartos antigos e coloquei algumas fotografias do quarto antes da reforma.
  •  RESENHA: O LIVRO DA LOUCURA E DAS CURAS...  Eu nunca! escreveria uma resenha de um livro que li por achar que eu não seria a pessoa mais indicada apesar de gostar muito de ler.... Os comentários foram positivos fazendo eu re-pensar na idéia de escrever mais resenhas dos livro e não somente o projeto Até a página 100...
Li em um Blog um dia desses que o perfil dizia algo parecido com isso: "Querer privacidade e criar um Blog Pessoal..." é irônico a capacidade de transformar cada texto banal em algo tão pessoal... nos últimos "16on16" por exemplo, não foram raros os comentários igual a esse "quero focar que é só literatura mas não é né?".
  •  BOOK HAUL [2° SEMESTRE] Desde o início desse ano. No mês de fevereiro, para ser mais específica. Pensei em fazer um “Book Haul” fotográfico com os livros que eu vou comprando no decorrer do semestre

No inicio desse ano criei um projeto pessoal que intitulei como "Um livro por mês". O projeto condiz em comprar um livro por mês para ler nos meus momentos de folga e nas férias de julho. Fiz o primeiro“BookHaul” fotográfico com os livros comprados/ganhados no decorrer do primeiro semestre (janeiro - junho) do ano de 2014.

26 de dezembro de 2014

Retrospectiva 2014:Minha literatura de 2014



Esse ano de 2014, foi o ano que eu mais comprei/ganhei livros (comprei um livro por mês...) porém, foi o ano que eu menos li. Nessas férias, pretendo correr atrás das leituras perdidas desse ano.
Teorema Katharine

Colin é um ex-criança prodígio que quer se encaixar em um mundo além em que as crianças consideradas mais inteligentes continuam sendo adolescentes e adultos que façam diferença na humanidade. O livro não é de todo péssimo algumas coisas no decorrer da historia animou, mas para quem estava acostumada com o livro ACEDE assim como eu, pode ficar frustrado com o decorrer da historia.
É uma Leitura sofrível! No decorrer do livro veio à pergunta “tem certeza que é o mesmo autor?” fiz algumas tentativas nos dias anteriores, mas a leitura não engrenava só não abandonei a leitura, pois queria comprovar a ruindade do livro... Algumas partes animam, que Colin fala sobre constelações e sobre a importância que é para ele como um garoto prodígio fazer a diferença no mundo tem sacadas realmente bacanas no decorrer da historia... (spooler) Só não abandonei a leitura, pois queria comprovar a ruindade do livro...



Deixe a neve cair

Os escritores se juntaram para escrever três histórias sobre uma noite de natal... Mesmo estando ''de mal" com o Jonh Green resolvi arriscar em mais uma leitura e conhecer outros escritores até então desconhecidos.

O Que Me Faz Pular

A primeira vez que ouvi falar sobre esse livro foi na turnê Intrínseca e "foi amor a primeira vista." HAHAHA quando finalmente comecei a ler fiquei em êxtase fala do autismo em primeira pessoa não sobre autismo. 
[ manual prático dos bons modos em livrarias]

Uma ressaca literária misturada com excesso de leituras acadêmicas remediada com um livro xuxu de cronicas sobre os erros que cometemos em uma livraria,



Dinâmicas de grupo para adolescentes

Ganhei esse livro a quatro anos atrás mas esse ano foi uma mão na roda nos dois semestres e em várias matérias na faculdade.

O Livro da Loucura e das Curas
Resenha Comecei a ler "O Livro da Loucura e das Curas" no final do mês de setembro. Intercalando com as leituras obrigatórias da faculdade e parando um pouco de ler nas semanas de provas e trabalhos do semestre.A narrativa do livro "O Livro da Loucura e das Curas" é mais lenta do que eu sou acostumada (não me perdi ao decorrer da história...) esse é o primeiro romance escrito pela autora Regina O´Melveny e ela soube usar aventura e romance na dose certa sem deixar a história melosa demais.

Nú de botas

Outro livro xuxú de crônicas que li esse ano...A leitura é bastante nostálgica pois lembra muito a infância.

Faça boa arte

Discurso inspirador do Neil Gaiman em formato de pequeno livro com capa dura

Saudade em preto branco

Algumas horas antes de viajar, recebi um pacote pelo correio com um marcador e um livro MARAVILINDO da minha amiga conterrânea M° Fernanda e que renderam algumas lágrimas na amiga aqui no decorrer da viagem... (Fotografias, resenhas e + fotografias nos próximas postagens...).


© Lado Milla
Maira Gall