18 de dezembro de 2016

O que estamos fazendo com a saúde mental dos estudantes?

TODO DIA UMA PESSOA DIFERENTE SAI CHORANDO DA UNIVERSIDADE. 

Hoje aconteceu uma intervenção pelos acadêmicos de psicologia sobre a saúde e o adoecimento mental dos estudantes. 

Ver os colegas adoecendo em crises de ansiedade, nervosismo, enxaquecas, estresse e depressão são alguns dos nomes e diagnósticos psiquiátricos que passaram a descrever uma rotina universitária que cobra prazos, aprisiona o conhecimento em grades curriculares e o aprendizado vira um mercado que deve ser produzido em massa. 


O problema é que acabamos achando normal adoecer na faculdade. Noites sem dormir e doenças psicossomáticas foram naturalizadas e nós passamos a nos silenciar diante do sofrimento dos colegas e dos professores. Aliás, se for pra aconselhá-los, preferimos motivá-los a continuar persistindo e tentando do que rever nosso sistema educacional e repensar o que estamos fazendo com nossa saúde mental em meio a produção em massa do conhecimento. 


Passamos a nos sentir culpados por gestos simples do nosso dia a dia: ver um filme, comer devagar, sair a noite, relaxar... pequenas ações cotidianas passam a virar objeto de culpa pois deveríamos estar estudando, fazendo artigos e produzindo conhecimento. Nossa vida passa a ser sequestrada pela vida universitária e abrimos mão de coisas que antes nos faziam bem para aprender. E assim adoecemos. 
O que estamos fazendo com a saúde mental dos estudantes?



Ah, não deixe de me acompanhar nas Redes Sociais.
Estarei comentando com vocês sobre o BEFA (principalmente no Snap!!):
Snapchat: Lmilla5

17 de dezembro de 2016

Tag: Social Media Book

Oi, pessoal! Tudo bem? Eu fui indicada pela Maria do blog Multipolarizada para responder uma tag literária muito legal que se chama Social Media Book Tag - que poderia ser traduzido como "Tag Literária das Redes Sociais"). Ela consiste na apresentação de um livro que se encaixa na definição de algumas redes sociais.

   


1.Twitter: Seu menor livro favorito.


A editora ZAHAR tem edições pockets maravilhosas e são os meus livros preferidos...

2. Facebook: Um livro que todo mundo pressionou você para que você lesse.

A professora da 5° série "pressionou" os alunos a lêr o livro Pretinha, eu? para fazer fichamento do livro valendo nota.

3. Tumblr: Um livro que você leu antes dele se tornar legal/popular/famoso.



Antes de virar filme... Eu já tinha me deliciado ao ouvir a sinopse do livro A culpa é das Estrelas em um evento da editora Intrinseca e na mesma semana eu comprei o meu "culpinha".

4. Myspace: Um livro que você não lembra se gostou ou não. 


Tenho esse livro há mais ou menos 5 anos. E desde então, está na minha estante na parte dos livros "já lidos" porém, não lembrava de já ter lido ou abandonado á leitura... Esse ano, zapeando na blogosfera cheguei a ler algumas resenhas e trechos e resolvi finalmente ler.

5. Instagram: Um livro que é tão bonito que você "instagrou" ele. 


Eu sempre estou fotografando os meus livros para ilustrar as minhas postagens aqui no blog.

6. Youtube: Um livro que você deseja que seja transformado em filme.


O livro Extraordinário foi uma das melhores surpresas literárias há dois anos atrás. Comprei a 1° edição da capa branca, não gostei da edição que saiu depois... O ultimo livro que li esse ano Auggie&eu é dividida em três histórias dos personagens desse livro e fiquei querendo uma versão cinematográfica do livro urgentemente!

7. Goodreads: Um livro que você recomenda para todos.


O livro Cidades de Papel é uma dos livros mais bacanas do John Green depois de "culpinha" e eu tenho indicado esse livro para um montão de leitores...


E ai gostaram??? Normalmente, eu não indico TAG... Mas, se você gostou e quer fazer no seu blog ou canal do youtube, sinta-se indicado :) Um beijo e até o próximo post!




Ah, não deixe de me acompanhar nas Redes Sociais.
Estarei comentando com vocês sobre o BEFA (principalmente no Snap!!):
Snapchat: Lmilla5

16 de dezembro de 2016

16 coisas que eu fiz (ou deixei de fazer... ) em 2016



O blog "Lado Milla" completará 3 anos ano que vem...Já passaram muitos projetos bacanas por aqui. Um projeto que virou "tradição" desde o inicio do Lado Milla foi sugerido pelo Rotarrots no inicio do ano escrevemos as 16 coisas para ser em 2016 e o resultado vocês podem conferir nessa postagem.

01 - Psicologia 100%: Terminei as 7 matérias pendengas dos semestres anteriores que faltavam para finalmente me formar em Psicologia. 

02 - Comprar uma agenda; Comprei a agenda! Mas, sempre escrevo pouco...

03- Não procrastinar! Virei a senhora procrastinação esse ano ¬¬

04 - Continuar fazendo exercícios físicos; Andar vale? Pois, esse ano eu andei muito!!!

05 - Mais Leitura! Eu dei uma prioridade maior nos textos da faculdade e do estágio... E acabei estacionando no ultimo livro que eu estava lendo...

06 - Mais Livros! Comprei muitos livros esse ano... Mas, acabei não lendo nenhum.


07- Organização! Virei a senhora procrastinação esse ano ¬¬ E a organização passou longe de mim...

09 - (+) Blogueira; Esse ano teve Hiatus de três meses... Teve BEDA no mês de Agosto que forçou a realmente escrever todos os dias em um total de 31 postagens!

10 - “Sair para fotografar” O ano que eu iria montar o meu possível "Estúdio Fotográfico" que acabou não dando certo... Foi um dos anos que menos fotografei.

11- Manter a organização do Blog; Sempre estou mexendo alguma coisa por aqui... hehehe Porém, sempre mantendo a organização desse espaço.

12- Usar protetor solar. Em andamento... 

13- Tomar mais água. Garrafa de água virou acessório na minha bolsa... 

14- Ser econômica; Dinheiro o que é isso? Dureza...

15- Criar novos projetos fotográficos para o blog Lado Milla.

16 - Trabalhar: ...



Ah, não deixe de me acompanhar nas Redes Sociais.
Estarei comentando com vocês sobre o BEFA (principalmente no Snap!!):
Snapchat: Lmilla5

© Lado Milla
Maira Gall