8 de março de 2021

São as águas de Março cobrindo o verão...

Nos ultimos dias do mês, aproveitanndo o meu aniversário (no dia 22) aproveitamos fazer uma pequena viagem para a cidade vizinha em Itapema/SC . Sim! ainda estamos em pandemia do COVID19 e tomamos os devidos cuidados... Sem aglomeração, fomos somente eu, minha mãe meu pai e o Fernandão o pinsher.


O Fernandão, o pinscher, já é considerado um "cãzinho viajante" e uma visita bastante educada na casa dos parentes... Soubemos as suas novas peculiaridades nessa ultima viagem: Por exemplo, ele seria um ótimo cãozinho de apartamento se ele morasse na cobertura de frente para o mar que ele adora se banhar (só quando o mar é calminho...).


Em março, irá completar 1 ano de pandemia do COVID19. Estamos em quarentena em casa desde então... Saindo somente quando necessário e surtando sempre que possivel... Tanto eu quanto a minha familia precisavamos dessa "mudança de ares...". Voltamos para casa mais revigorados para voltar para casa com a saúde mental mais equlibrada e calma.

Ganhei um  Kindle 10ª geração de aniversário! Eu sou team papel e lombada. Eu gosto do cheiro de livro novo, gosto do amarelado de livro velho... Porém, a minha primeira experiência com a leitura pelo Kindle foi muito similar ao do livro, ele é ótimo que não dá aquela dorzinha de cabeça por estar forçando a visão... Comecei a ler de noite/madugada na época da faculdade e continuo seguindo o hábito desde os dias de hoje. 


O QUE EU LI ESTE MÊS



Título: Passarinha
Título original: Mockingbird
Autora: Kathryn Erskine
Editora: Valentina
Ano: 2013
Páginas: 224
avaliação: 
☕☕☕☕☕



Sinopse: No mundo de Caitlin, tudo é preto e branco. Qualquer coisa entre um e outro dá uma baita sensação de recreio no estômago e a obriga a fazer bicho de pelúcia. É isso que seu irmão, Devon, sempre tentou explicar às pessoas. Mas agora, depois do dia em que a vida desmoronou, seu pai, devastado, chora muito sem saber ao certo como lidar com isso. Ela quer ajudar o pai – a si mesma e todos a sua volta –, mas, sendo uma menina de dez anos de idade, autista, portadora da Síndrome de Asperger, ela não sabe como captar o sentido. Resenha



Livro: Tipo uma história de amor (Like A Love Story)
Autor: Abdi Nazemian
Numero de páginas 352
Categoria:Ficção
Editora: Harper Collins
Avaliação: ☕☕☕☕☕



Sinopse: Reza, que sabe há muito tempo que é gay... Então, o rapaz decide esconder sua verdade para se proteger das possíveis críticas da sua cultura e da sua mãe. Judy, uma aspirante a estilista que adora criar e usar roupas coloridas. O maior ídolo dela é seu tio Stephen, um homem gay e soropositivo, que perdeu o parceiro para a AIDS e que usa seu ativismo para trazer atenção à doença. e Art é o único garoto assumidamente gay da escola. Ele adora a Madonna, fotografa os protestos da comunidade e participa com orgulho do movimento gay. Quando eu tomei conhecimento do livro Tipo uma história de amor eu já percebi nas indicações da leitura que não era somente um livro Lgbtqia+ e sim um livro que fala de amor de diferentes formas. O amor é sagrado! Quando eu li esse trecho eu chorei litros... Resenha



Ah, não deixe de me acompanhar nas Redes Sociais. 

3 de março de 2021

Novela: A Vida da Gente "tudo é aleatório, incerto, inconstante...".

“És um senhor tão bonito 
Quanto a cara do meu filho.
Tempo, tempo, tempo, tempo..."

Sinceramente, eu não lembro praticamente nada do que aconteceu em 2011... Lembro de algumas aulas da graduação em Psicologia e no quanto a minha turma estava ansiosa para começar os estágios obrigatórios da faculdade. A minha grade de matérias de graduação nunca foi organizada. Mas, naquele ano tava TENSO. Só consegui fazer estágio dois anos depois...

Estágio em Psicologia Escolar

Fora isso, "tudo é aleatório, incerto, inconstante..." SQN! Naquela época, eu lembro que chegava em casa sedenta de um pouco de "cultura inútil" depois de ficar praticamente um dia inteirinho lendo o mesmo capitulo sem entender nada dos textos de Psicanálise... Quando eu chegava em casa, eu prereparava uma caneca de café quentinho e ligava a TV e sentava no sofá da sala para assistir a novela A Vida da Gente.  

Escrita por Licia Manzo. A trama protagonizada por Fernanda Vasconcellos, Marjorie Estiano e Rafael Cardoso contava a história de duas irmãs unidas que se apaixonam pelo meio-irmão de ambas, o que acaba colocando a relação delas em risco, além de outros dilemas familiares que vão afetá-las.

Assistir essa novela em 2021 (ainda em ano pândemico) é um quentinho no coração em tempos tão complicados... Esperem por mais textos falando sobre as temáticas que envolvem a novela estilo Resumo da Semana cheio de opiniões e desvaneios não solicitados. 


As músicas  que fazem parte da trilha sonora da novela fizeram também parte do CD lançado pela Som Livre. As musicas que fazem parte da trilha sonora são maravilhosas! Enfim, achei no Youtube essas  musicas e estou viciada nessa setlist novamente.



Ah, não deixe de me acompanhar nas Redes Sociais. 

13 de fevereiro de 2021

Meu primeiro Kindle!

Ontem, chegou o meu Kindle 10° geração. Ano passado, no inicio da pandemia e isolamento social eu virei uma leitora voraz e pensei na possibilidade de comprar um kindle... Eu não tinha nenhuma experiência com leitor digital. A não ser, os textos da faculdade de Psicologia em PDF. que eram colocados no sistema acadêmico.



Se você não conhece o Kindle, ele é um dispositivo para leitura de documentos (livros, revistas e HQs), que é leve, compacto e pode facilitar a leitura noturna e em viagens. O kindle também possui um aplicativo que você pode baixar em celular android/ios, tablet para ler os livros que comprou no site da Amazon.

Existem 3 modelos de Kindle atualmente:


Novo Kindle 10ª geração: Ele é o modelo básico e possui uma tela de 6 polegadas e resolução de 167 ppi. Possui luz embutida, 4 leds e 4GB de armazenamento interno (esse valor é usado uma parte no próprio sistema do Kindle, mas eu não vi isso como uma desvantagem muito grande já que o espaço é suficiente para cerca de 1.100 livros na memória).

Kindle Paperwhite: Esse modelo possui 5 leds e uma tela de 300 ppi. É á prova d'água, tem armazenado de 8 ou 32 GB. Por ter uma resolução melhor do que a versão básica serve para ler HQ's melhor e outros tipos de leitura no geral.

Kindle Oasis: Essa versão tem 7 polegadas e 25 leds, possui ajuste de temperatura da luz e sensor de luz adaptável. A resolução da tela é de 330 ppi, memória de 32 GB e é á prova d'água. O que difere, além dos leds, do Paperwhite é que o Oasis possui botões físicos.

Como foi o meu primeiro Kindle, eu escolhi a versão básica que já vem com a luz embutida (os anteriores não tinham) e acho que foi a melhor decisão que tomei. Eu tentei comprar na Black Friday de 2020... Porém, o meu cartão de crédito estava zoado. No meu aniversário desse ano, minha mãe resolveu me presentear com $$$ para comprar o Kindle.


O kindle custou R$ 331,55 + R$ 89,90 da capa vermelha do próprio kindle com o frete grátis. Comprei numa quarta-feira e na sexta a tarde ele já estava aqui. Veio tudo bem embalado e veio o aparelho e um cabo USB para carregar.

Minha Experiência


Logo ao desembalar o Kindle, já aparece os primeiros passos para você configurar o aparelho e é tudo fácil e fiz sem maiores problemas. Chegou com cerca de 50% da bateria e essa carga durou bastante tempo ainda.

Você pode adicionar os livros no Kindle por cabo USB, enviando por e-mail (você precisa logar no site da Amazon para ver qual é o e-mail do seu kindle e permitir os endereços de e-mails que podem te mandar livros) ou baixar pelo site da Amazon os livros que quer comprar ou do catálogo do Kindle unlimited. Os livros enviados por e-mail que não são do formato .mobi podem ser convertidos com você anexando os documentos certinhos no e-mail e no campo assunto você coloca ‘convert’ (mas lembre-se: a diagramação pode mudar).


Eu sou team papel e lombada. Eu gosto do cheiro de livro novo, gosto do amarelado de livro velho... Porém, a minha primeira experiência com a leitura pelo Kindle foi muito similar ao do livro, ele é ótimo que não dá aquela dorzinha de cabeça por estar forçando a visão.

Durante a leitura dá para ver o progresso em porcentagem da leitura, quanto tempo resta de leitura, marcar partes favoritas, dicionário. No final da leitura, aparece uma faixa sinalizando que o livro foi lido. Gente, a passagem de página funciona com um toque lateral e é bem fluído e eu amei, pois quando lia pelo celular tinha que meio que arrastar e era chato de fazer.


Eu ainda estou me adaptando com a leitura no Kindle. Eu acabei adquirido o hábito de ler de noite/madrugada na época da faculdade e pela casa estar silenciosa eu consigo me concentrar melhor. O Kindle 10° geração, possui luz embutida e por isso não cansa os olhos da pessoa que vos escreve. O preço pode parecer caro se for todo de uma vez, mas tem a opção de parcelar e se você colocar na ponta da caneta a quantidade de livros que compra por um determinado período de tempo chega no valor do Kindle, assim, você poderá ler e comprar o livro físico só daqueles que gostou muito. Outro ponto positivo é que você pode ler na luz do sol sem problema também.

Para quem está na dúvida se compra ou não um Kindle, minha dica é: compre. Você só saberá se vai se adaptar ou gostar realmente depois de experimentar. Minha experiência até então está sendo ótima e o aparelho dura anos.



Ah, não deixe de me acompanhar nas Redes Sociais. 
© Lado Milla
Maira Gall